Quem Somos


ASSOCIAÇÃO DE KARATÊ DA BAHIA - ASKABA é uma organização sem fins lucrativos que tem como finalidade difundir e incentivar a prática do Karatê Shotokan, bem como proporcionar reuniões desportivas sociais, artísticas e culturais dentre os seus associados. É a mais antiga entidade desta natureza na Bahia, fundada em 23 de novembro de 1967 pelo Mestre Denilson Caribé de Castro, falecido em 1985 e homenageado post mortem pela Confederação Brasileira de Karatê com o título de "Patrono do Karatê Brasileiro", em reconhecimento ao importante trabalho por ele desenvolvido.

A importante contribuição ao desenvolvimento esportivo, especialmente junto à comunidade jovem da Bahia, justificou o reconhecimento da ASKABA como Entidade de Utilidade Pública Estadual desde maio de 1972. Em janeiro de 2001 foi reconhecida como Entidade de Utilidade Pública Municipal

A ASKABA, através do seu trabalho, transmite na íntegra os ensinamentos filosóficos dessa arte marcial, realizando um trabalho sério e impondo uma forte disciplina para manter a moralidade e o bom nome dos seus verdadeiros adeptos.

Milhares de alunos iniciaram a prática do Karatê na ASKABA e levaram o nome e o prestígio do karatê baiano para outros Estados do Brasil e até mesmo para outros países do mundo. Muitos dos mestres que hoje administram as suas academias tiveram origem na ASKABA ou foram alunos dos alunos que na ASKABA se formaram. 
    
Entre os ilustres mestres japoneses que passaram pela ASKABA, está a figura do já falecido mestre MASATOSHI NAKAYAMA em 1975, além de Teruyuki Okazaki, Yoshizo Machida, Sadamu Uriu e Juichi Sagara. O excelente conceito da ASKABA a tornou representante no Estado da Bahia da International Shotokan Karatê Association – ISKF, indicação dada pelo mestre japonês Juichi Sagara, representante do ISKF no Brasil, com a aprovação do mestre Teruyuki Okasaki, Presidente e Instrutor Chefe dessa instituição. Interessante salientar que a ASKABA também é filada a Japan Karatê Association, organização internacional fundada em 1955 e reconhecida pelo governo japonês.